Quem não gosta de uma boa massa no fim de semana? O macarrão faz parte daquele grupo de alimentos que todos acham saborosos e que engordam muito. Mas você não precisa ser radical ao ponto de cortá-lo totalmente de sua vida. Como sempre dizemos aqui, pode-se comer de tudo, contanto que seja em pequenas porções. E, no caso do macarrão, uma vez ou outra.  

  

A história desse alimento é muito confusa. Não existe uma conclusão definitiva de onde ele nasceu. Os historiadores apontam em várias direções e muitos povos se dizem criadores desse alimento tão popular. Embora não saibamos quem foi que inventou o macarrão com toda a certeza, sabemos quem o aperfeiçoou e o difundiu: os italianos. Eles são mestres em fazer massas maravilhosas e tentadoras! 

  

Como existe muita indefinição quanto a sua origem, dizem por aí que o macarrão nasceu assim que o homem descobriu que podia moer alguns cereais, misturar com água e obter uma pasta cozida e assada. Atualmente, existem algumas variações dessa mistura. Algumas massas são coloridas, por exemplo. Outras contêm mais cereais integrais em sua composição.  

  

Existem vestígios da produção do macarrão em diversos países da Europa e Ásia. Alguns textos mostram que civilizações antigas – os assírios e os babilônios – já conheciam o segredo do macarrão, por volta de 2500 a.C. Na Itália, ele teria chegado por volta de 1295, pelas mãos do conquistador Marco Pólo. Ele passou 17 anos na China e trouxe a receita do macarrão diretamente de lá. Mas há quem diga que ele estava presente no país antes disto. Em 1279, o soldado genovês Ponzio Bastione teria deixado de herança para sua família uma cesta de “macaronis”. O termo macarrão teria sido usado pela primeira vez na Idade Média, para indicar vários tipos de massas.  

  

Só de falar no assunto, aposto que deu água na boca! Mas fique atenta! O macarrão é extremamente calórico. Atletas o utilizam para ganhar energia em competições de muita resistência, como uma partida de futebol. Mas para quem não precisa de combustível para competir, comer muito macarrão pode causar aquelas indesejáveis gordurinhas localizadas. Segue abaixo uma lista das massas, seus acompanhamentos e as calorias que eles possuem para cada 100 gramas: 

  

Macarrão com ovos – 350 a 360 calorias
Macarrão integral, sem ovos – 360 calorias
Macarrão oriental – 395 calorias
Macarrão soba – 350 calorias
Macarrão de glúten – 382 calorias
Macarrão de arroz – 360 calorias
Macarrão cozido – 105 calorias
 

  

Por isso, pense bem antes de exagerar nesse delicioso prato. Como dito anteriormente, se você comer pequenas porções e de vez em quando, não há problema nenhum em consumi-lo. 

  

Últimas Buscas Realizadas:

  • macarrão valor nutricional
  • valor nutricional macarrão
  • macarrão integral cozido valor nutricional

Veja Também:

  1. O leite de vaca e seu valor nutricional
  2. Salada de macarrão com kani
  3. Macarrão ao pesto
  4. Macarrão com aliche e cogumelos
  5. Macarrão colorido
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>